Home / Notícias / 8º Encontro de Subcomitês da Bacia do Rio das Velhas teve discussões, oficinas e homenagens
8º Encontro de Subcomitês da Bacia do Rio das Velhas teve discussões, oficinas e homenagens

8º Encontro de Subcomitês da Bacia do Rio das Velhas teve discussões, oficinas e homenagens

Entre os dias 06 e 08 de setembro, durante a programação oficial do 30º Festival de Folclore de Jequitibá, foi realizado o 8º Encontro de Subcomitês da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas), na Praça de Eventos de Jequitibá, orla da lagoa. Com o tema “O Território Que Eu Cuido”, o 8º Encontro de Subcomitês teve o objetivo de reunir os representantes das sub-bacias do Rio das Velhas para aprimorar os processos da gestão participativa, trocar experiências sobre os projetos hidroambientais e discutir ações realizadas nos territórios da bacia hidrográfica.

Os Subcomitês são grupos consultivos e propositivos que atuam nas sub-bacias do Rio das Velhas. Sua contribuição se faz nas propostas de melhoria da quantidade e qualidade das águas locais, contribuindo no planejamento e aprimoramento da gestão das águas. Outra atribuição do Subcomitê é revelar os conflitos referentes aos recursos hídricos e levar ao conhecimento do CBH Rio das Velhas e dos órgãos e entidades competentes os problemas ambientais constatados. Por Jequitibá, compõem o Comitê a secretária municipal de Meio Ambiente Poliana Valgas e o prefeito Humberto Reis.

Boas vindas
“É um prazer estarmos aqui com 18 Subcomitês presentes para pensar o Rio das Velhas, pensar os nossos destinos, os nossos caminhos. Esse evento é o maior exemplo que, juntos, sociedade civil, poder público e setor privado, podemos sempre fazer melhor”, disse o presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (CBH Rio das Velhas), Marcus Vinícius Polignano, uma das autoridades chamadas ao palco principal, durante a abertura oficial do encontro. Ao seu lado, o prefeito de Jequitibá, Humberto Reis, deu boas vindas aos presentes e destacou a parceria com o CBH Rio das Velhas na realização do evento e na condução de diversas ações socioambientais no território. “Não foi fácil fazer esse evento, num momento difícil ao qual o país atravessa. Só foi possível com a parceria com a CBH Rio das s e outras instituições. Serão quatro dias de evento que Jequitibá estará de portas abertas a todos”.

Prefeito e secretária participaram do encontro

Segundo dia
O segundo dia do encontro teve início com uma homenagem à Dona Ivana, representante histórica da bacia do Ribeirão Arrudas e das nascentes da região, falecida no último mês. Com preces de Frei Chico e cantos dos demais companheiros de Subcomitês, suas cinzas foram jogadas no Rio das Velhas, atendendo ao último desejo de Dona Ivana. “Acho que estamos fazendo o que ela quis fazer a vida inteira, que é se tornar parte dessa natureza. É com muito pesar, mas também com muito amor, que a gente faz esse gesto, a devolvendo ao ciclo natural da vida e a eternizando no Rio das Velhas”, disse emocionado o presidente do CBH Rio das Velhas, Marcus Vinícius Polignano.

Com apresentação dos resultados do questionário respondido pelos conselheiros dos Subcomitês, que amparou a construção da programação encontro, tiveram início as ações do segundo dia de evento. O questionário mostrou, por exemplo, que mais de 50% dos conselheiros que responderam às perguntas participam de outros conselhos de políticas públicas, o que permite a interação e soma de esforços em busca de resultados comuns. Mostrou também que a manutenção da mobilização social ao longo do tempo é considerado o principal desafio no âmbito dos Subcomitês.

Na sequência, os representantes discutiram várias questões sobre como participar, ainda de forma mais efetiva, na dinâmica de decisões do CBH Rio das Velhas. Os projetos hidroambientais executados em cada uma das UTEs (Unidades Territoriais Estratégicas) também foram exaustivamente discutidos pelos conselheiros, como forma de aperfeiçoar o processo, otimizar os recursos e fortalecer a gestão participativa. Divididos em grupos entre representantes das diversas entidades, os conselheiros ouviram como os desafios – muitas vezes comuns – são enfrentados em cada território. Finalizando o dia, Frei Chico – considerado o governador da Capital Mineira do Folclore – falou sobre a necessidade de preservação da cultura, das comunidades, das memórias regionais, e cantou uma música em homenagem ao Rio São Francisco.

375_Rio-das-Velhas_Despedida-Dona-Ivana_Jequitiba-MG_Foto-Bianca-Aun_07set2018-716x393

Terceiro dia
O encontro terminou no sábado, 8, com a realização de diversas oficinas e uma roda de conversa com Alenice Baeta e representantes de povos tradicionais do Velhas e oficinas simultâneas em Jequitibá (de Flores, Oratório, Gastronomia, Hortas Verticais e Compostagem, e de Cirandas de Negros Cantores) e na comunidade de Saco da Vida, em Funilândia (Construção de Tanques de Evapotranspiração – TEVAP). A secretária municipal de Meio Ambiente de Jequitibá, Poliana Valgas, anfitriã do evento, avaliou de forma positiva a 8º edição do Encontro de Subcomitês. “Estou muito feliz, o gestor do município também está muito contente, porque a gente viu que, realmente, cultura, arte e meio ambiente tem tudo a ver, e que cada vez mais temos que resgatar essas questões tradicionais e culturais. E, para isso, nada melhor que reunir o povo da bacia e trazer esse pessoal para a discussão”, concluiu.

Confira as fotos do encontro AQUI, AQUI, AQUI e AQUI.

Ascom Prefeitura de Jequitibá com Ascom CBH Rio das Velhas
comunicacao@jequitiba.mg.gov.br

Comentar

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Ir para o topo